REFORMA ORTOGRÁFICA

 

Visando tornar a Língua Portuguesa um idioma único em todo o mundo, a língua a que estamos adaptados sofrerá várias mudanças: hífen, acentuação, trema.


Portanto, estejam “armados” para enfrentar as mudanças que, no Brasil, serão implementadas em 2010, com a ajuda do Novo Dicionário da Língua Portuguesa.

I- O alfabeto passará a ter 26(vinte e seis) letras:
a-b-c-d-e-f-g-h-i-j-k-l-m-n-o-p-q-r-s-t-u-v-w-x-y-z

II- A trema deixará de existir:
Cinqüenta - Cinquenta

Exceção:
Em nomes próprios e seus derivados à Müller

III- O hífen não se usará mais:

1. Quando o segundo elemento começar com “S” ou “R”, ao invés do hífen essas letras serão duplicadas.

anti-semita - antissemita
contra-regra - contrarregra

Exceção: só não muda quando os primeiros elementos terminam com “R”

Hiper - requintado
Inter - resistente
Super - revista


2. Quando o primeiro elemento terminar em vogal e o segundo começar com uma vogal diferente.

Extra-escolar - extraescolar
Auto-estrada - autoestrada

IV- O acento circunflexo não se usará mais:

1. Nas terceiras pessoas do plural do presente do indicativo ou do subjuntivo dos verbos crer, dar, ver, ler e seus derivados.

Eles crêem - creem
Que eles dêem - deem
Eles vêem - veem
Eles lêem - leem

2. Em palavras terminadas em “o-o”:

Enjôo - enjoo
Vôo - voo

V- O acento agudo não se usará mais:


1. Nos ditongos abertos “ei” e “oi”.

Assembléia - assembleia
Idéia - ideia
Jibóia - jiboia
Heróica - heroica


2. Nas palavras paroxítonas, com “I” e “U” tônicos, quando precedidos de ditongos.

Feiúra - feiura
Viúva - viuva

3. Nos verbos em que há “u” tônico depois de “g” ou “ q” e antes de “e” ou “i”.

Averigúe - averigue
Argúem - arguem
Apazigúe - apazigue

 

Fonte: www.scrittaonline.com.br